O único nordestino da seleção brasileira brilha nas oitavas de final

Com segundo gol da vitória, Roberto Firmino mostra experiência na disputa contra México

O segundo gol da partida entre Brasil e México, foi encargo do único nordestino da seleção nomeada por Tite. Com 27 anos, Roberto Firmino demonstrou em campo a experiência que adquiriu nos grandes times que percorreu durante sua jornada.

Natural do conjunto Virgem dos Pobres, próximo à lagoa Mundaú, em Maceió, Firmino se aventurou no Figueirense e antes dos 20 anos, na Alemanha. Na disputa das oitavas de final de hoje (2), o atleta salientou o motivo de ser o mais estimado para tomar o lugar de Gabriel Jesus, que não vêm se destacando como o esperado.

No lugar de Philippe Coutinho, o atacante nordestino assumiu a responsabilidade que foi dada em campo e assinou a garantia para as quartas de final, logo depois de sua entrada, já no segundo tempo.

As primeiras convocações para a seleção brasileira tiveram início quando ele ainda jogava com a camisa 10 no Hoffenheim, da Alemanha. A posição de destaque e o bom futebol apresentado pelo jogador lhe rendeu cerca de 140 milhões, quando em 2015, o atleta estreou sua atuação no Liverpool.

O próximo jogo com a camisa verde e amarela será na sexta-feira ás 15h, nas quartas de final contra Bélgica ou Japão, que se enfrentam nesse momento.

Por: Daniella de Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *